sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Educadores amigos!

Um pouco de Poesia na Educação!
Meu respeito e meu carinho sempre!

Rosa Maria Olímpio/UnB

Adélia Prado e Rubem alves

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Dúvidas!

Amados mestres do Gestar MS,

Realmente todas nós, eu, vocês formadores e os cursistas, deveremos
montar um portfólio com todas as atividades desenvolvidas.
Sugerimos que poderia ser o blog, lembra-se?
Mas os formadores que fizeram o portfólio impresso deverão levá-lo.
Solicito ainda que levem pelo menos 03 portfólios de cada cursista.
Eu os avaliarei e devolverei a vocês!
Abraço,
Rosa Maria

domingo, 1 de novembro de 2009

Rubem Alves "Ama o amor"





O novo livro: O Canto do Pássaro Encantado

Formadores sulmatogrossenses

" Ensinar é um exercício de imortalidade. De alguma forma continuamos a viver naqueles cujos olhos aprenderam a ver o mundo pela magia da nossa palavra. O professor, assim, não morre jamais..." (Rubem Alves)

Afetuoso abraço,
Rosa Maria

Amados professores!

Aguardo ansiosa e feliz nosso reencontro!


Queridos formadores



Está se aproximando a data de nosso encontro.Nos encontraremos nos dias 12 e 13 de Novembro.Aqui estão algumas orientações sobre os passos a serem cumpridos no Seminário de Avaliação.

Serão dois dias de avaliação e não mais de formação, como nas semanas anteriores. Portanto, não teremos mais curso e sim as apresentações de vocês. Para a certificação, farei a mediação das apresentações e a avaliação do que foi solicitado ao longo do ano.

Para isso, vocês devem levar o resultado do que produziram com os cursistas. Isso pode ser em formato de banner, cartaz, powerpoint, etc.

Lembrem-se de que cada formador/coordenador terá APENAS 20 minutos para a exposição oral do que sintetizou para o evento. O uso desse tempo será também objeto de avaliação, pois a habilidade de síntese e a escolha do recurso para a apresentação farão parte do processo avaliativo.

No seminário, vocês deverão levar seus portfólios, com tudo que fizeram até esse dia: aulas preparadas, orientação dos projetos, resultados nas escolas dos seus cursitas, projetos dos cursistas, problemas, fracassos, sucessos, etc, além da biografia, memorial de leitor e auto-avaliação. Assim comprovarão que :

i) executaram as oficinas,

ii) recolheram e avaliaram o produto dos cursistas com relação às lições de casa e

iii) orientaram o projeto do cursista, que deverá ser apresentado como produto no final do programa ao formador, que, por sua vez, nos apresentará como fruto do seu trabalho de orientação.

Lembro que o portifólio pode ser apresentado em formato digital do tipo blog, em CD, DVD ou impresso e é ele que será avaliado acima de tudo.

Caso haja espaço para atividade coletiva, a tarde do segundo dia será destinada para apresentações em conjunto com a Matemática.

Podemos fazer um momento de confraternização e troca de lembranças em um amigo secreto sorteado na hora. Para isso, levem algo para presentear um colega. Algo que lembre sua cidade, por exemplo.

Podemos também fazer uma mostra de trabalhos significativos. Não se esqueçam das câmeras fotográficas para registrarmos esse momento.

Caminhemos! Se houver dúvidas, me escrevam!

Estou certa de que se o Gestar tem sido um sucesso anunciado e se chegamos até aqui é porque vocês vêm conduzindo, em seus municípios, um dos programas de Educação mais efetivos do MEC, por isso estou ansiosa para ouvir os depoimentos e conhecer um pouco mais de seus cursistas e alunos.


Um grande abraço,
Rosa Maria

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

sábado, 19 de setembro de 2009

“Gramática Normativa, Descritiva e Internalizada” TP2

Relatório nº: 23 Turma:segunda/sábado Turno: matutino e noturno
Área:L. Portuguesa TP:TP2 Data:12-14/setembro/09
Formadora: Ester Schiavi do Nascimento
Coordenadora- Nilce Romero Lucchese
A décima segunda oficina do Programa Gestão da Aprendizagem Escolar – Gestar II, foi realizada no dia doze de setembro de dois mil e nove, na Escola Estadual São Francisco em Campo Grande – MS. Iniciamos a oficina com uma mensagem de Rubem Alves e fizemos reflexão.
Na sequência, passamos alguns provérbios e orientamos para que os cursistas em grupo, produzissem gêneros textuais de livre escolha e que no mesmo tivesse implícito um provérbio . Grupo 1: produziu um anúncio publicitário, grupo 2: produziu um poema, grupo 3: produziu uma dramatização e o grupo 4: produziram um fábula.
Seguimos fazendo a aplicabilidade das unidades 5 e 6 do Caderno de Teoria e prática “Gramática Normativa, Descritiva e Internalizada”. Após, a classe foi dividida em 4 grupos para realização das atividades: Grupo 1: planejar aula a partir do ensino produtivo e do ensino descritivo/reflexivo; grupo 2: ampliando as nossas referências - questões ligadas ao ensino da gramática; grupo 3: organização da frase e do período; grupo 4: artigo - o vôo da Asa Branca: uma reflexão sobre a Lingüística e o Ensino de Língua Portuguesa de Dioney Moreira Gomes
Para socialização da atividade anterior fizemos uma dinâmica “do boneco” em que cada grupo deveria ficar responsável por uma parte e relacioná-la com o tema trabalhado (escrever palavras ligadas ao Gestar II e ao tema): grupo 1: confeccionar a cabeça, grupo 2 o tronco, grupo 3 membros inferiores e grupo 4 membros superiores. Foi uma atividade muito proveitosa, pois os cursistas foram criativos interagindo e refletindo sobre o seu papel na sala de aula. Atingiram o objetivo determinado.
Descontraímos fazendo a leitura do texto do curso de Letras da UFPE – Universidade Federal de Pernambuco .
Para compreendermos melhor sobre variantes lingüísticas e conhecimento de mundo, os cursistas produziram um gênero textual, bilhete com as seguintes instruções: escreveram numa mesma folha de papel (circulando de carteira em carteira) um bilhete, cada um produziu com variantes regionais diferentes e segundo tema proposto pelo professor formador. E para refletimos assistimos a um vídeo : “Como o brasileiro elogia uma mulher”.
Finalizamos o curso com explanação e direcionamento do próximo encontro: Oficina intercalada 3 – tema descritores e distratores.

Fotos das aplicabilidades do TP2 -

 

 
Posted by Picasa

Os textos como centro do ensino da língua

Relatório nº: 22 Turma : LP1 Turno: matutino e noturno
Área:L. Portuguesa TP:TP1 Data29 e 31-agosto/09
Formadora: Ester Schiavi do Nascimento
Coordenadora- Nilce Romero Lucchese

A décima oficina do Programa Gestão da Aprendizagem Escolar – Gestar II, foi realizada no dia trinta e um de agosto de dois mil e nove, na Escola Estadual São Francisco em Campo Grande – MS. Iniciamos a oficina socializando as atividades, Avançando na Prática das Unidades 3 e 4 – “Os textos como centro do ensino da língua”, desenvolvidas pelos cursistas com seus respectivos estudantes em sala.
Seguimos fazendo a dinâmica do tangram quebra-cabeça, dispusemos as figuras geométricas no centro da sala e pedimos que cada cursista escolhessem uma cor para desenvolver a proposta. Assim, fizeram grupos de dois e montaram a figura de maneira que não poderiam virar o lado colorido do papel. Depois de pronto os cursistas observaram a o outro lado da folha que tinha a letra de uma música e a partir dela criaram uma atividade e expuseram para sala. Houve grande interação.
Fizemos aplicabilidade do assunto “Oficina de leitura e intertextualidade”, com apresentação em data show. Trabalhamos sobre a importância das oficinas de leitura e produção de texto, como dirigir o educando com maior aproveitamento. Conceituamos: leitura, leitor e interlocutor; apresentamos várias imagens para entendimento de leitura: cruzamentos - rede de significados e rede de imaginação; analisamos argumentação X narração; intergenericidade X Intertextualidade tipológica nos textos: “O Gato Feio ”, “O carteiro chegou ” “Outras Vidas ” ; ocorrências de: alusão a um provérbio e forma estereotipada; a uma frase histórica; a uma fórmula religiosa; a uma fórmula literária; a uma frase de canção; a um título de uma obra literária; a uma frase de canção; a uma frase de canção; a um título de uma obra literária; a um título de filme; a um título de jornal; citação; paródia; e paráfrase.
Na abordagem da aula, os cursistas fizeram intervenções exemplificando com experiências vivenciadas. A aula seguiu com inferências e questionamentos do formador para deixar o assunto mais conciso.
Após o intervalo fizemos a dinâmica da cobra, no pátio da escola, para refletirmos sobre trabalho em equipe.
Finalizamos o curso com explanação e direcionamento das próximas Unidades TP2 – “Análise Lingüística e Análise Literária”.
 
Posted by Picasa
 
Posted by Picasa

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

terça-feira, 25 de agosto de 2009















Belíssima vista da janela de nosso quarto! Telhado de ZINCO!

Os Formadores de MS




PESSOAS LINDAS, INTELIGENTES E SENSÍVEIS!!!!

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Nunca desista de seu ideal!

video

Desenhando Destinos

Aos educadores

Meus queridos,

Acordei em mim a palavra saber e a trouxe para dar de
presente a vocês.
Saber faz-me pensar em sábio, sabedoria, vivência...
Saber não está contido somente nos livros ou na escola.
Saber se acumula! (Não gostei dessa palavra.) Acumular parece algo difícil de carregar, pesado.
Saber é flor que colore a vida vai virando frutos e os frutos se multiplicam, amadurecem, ficam doces, saborosos.
Saber e sabor confundem-se com o riso, com a lágrima, com o nascer do sol, com o pôr do sol...
Saber é sabor de beijo, de desejo. Saber e sabor se descobrem no luar, na chuva, no frio, no desafio.
Saber não pode ser fechado no quarto escuro da vaidade ou do egoísmo. O saber deve servir para fazer o sábio mais feliz e que sabiamente, ele possa fazer o outro mais feliz.
Meus sábios e queridos educadores, essa palavra que acordei em mim e entreguei as vocês, deseja encontrar abrigo em outros corações. Os sábios florescem caminhos, desenham destinos.
Meus amados, acordem em vocês outras tantas palavras e caminhem presenteando pessoas ao longo do caminho. Palavras que cruzem rios, mares e cheguem ao lugar mais nobre e sublime a que se pode chegar: na alma, na vida das nossas crianças e de nossos jovens.
É esse o objetivo do GESTAR.. Cada um de vocês é portador da palavra que há de transformar o destino e desenhar novos caminhos e novos jeitos de caminhar das crianças e dos jovens de nosso país.

Meu afeto,

Rosa Maria Olímpio

Brasília, primavera de 2009.

Vida Maria